Quem Somos?

O Instituto de Educação Josué de Castro é uma escola do campo que atende aos trabalhadores e trabalhadoras do campo, vinculados aos movimentos sociais, aberta também para os movimentos sociais urbanos. Não consegui formular a frase pra não ficar dois campo na mesma

Criada em 1995, é uma escola de Ensino Médio e Educação Profissional. Desenvolve cursos de qualificação profissional, oficinas e cursos livres, e coordena cursos superiores em parceria com outras instituições.

A finalidade da escola é participar de um projeto de humanização das pessoas que ajude também a formar os sujeitos sociais da construção de um projeto de desenvolvimento do Campo e de País, comprometido com a Soberania Nacional, com a Reforma Agrária, com a solidariedade, com a democracia popular e com o respeito ao meio ambiente.

Desde 2020, o Instituto desenvolve suas atividades no assentamento Filhos de Sepé, em Viamão (RS). Sua atuação e existência são resultado das experiências anteriores que os camponeses desenvolveram na educação. A própria experiência do IEJC foi iniciada em Veranópolis (RS) antes da transferência para a nova sede.

O nome da escola é uma homenagem à Josué de Castro, médico e geógrafo pernambucano que dedicou sua vida a estudar e combater a fome. Autor de diversos livros, destacam-se Geografia da Fome, Geopolítica da Fome, Homens e Caranguejos, entre muitos outros. Reconhecido internacionalmente, foi o fundador e primeiro presidente do Órgão das Nações Unidas para a Agricultura e Alimentação (FAO). Por combater a fome e defender a reforma agrária, foi exilado do país pelo golpe militar de 1964, morreu no exílio na França em 1973.

Os cursos e atividades acontecem em regime de alternância, organizados em Tempo Escola (TE), principalmente no Instituto e também em atividade de campo promovidas pela escola, e Tempo Comunidade (TC), com a comunidade ou coletivo de origem. Durante o Tempo Escola, a intencionalidade pedagógica é organizada pelos diversos Tempos Educativos (Tempos Aula, Oficina, Leitura, etc). Todos os estudantes, educadores e educadoras envolvem se na organização e vivência cotidiana do Instituto através do trabalho como processo educativo e na participação de todos e todas nos processos decisórios organizativos e na condução do cotidiano escolar.

O IEJC localiza-se no Assentamento Filhos de Sepé, em Viamão (RS), com uma estrutura de duas salas de aula com capacidade para cerca de 60 estudantes cada uma; Biblioteca com mais de 23 mil exemplares, laboratórios físico-químico e de informática; plenária; refeitório e alojamento para 120 pessoas, além de Ciranda Infantil para receber as crianças dos participantes nas atividades.

O Assentamento Filhos de Sepé está localizado no distrito de Águas Claras, município de Viamão, na Região metropolitana de Porto Alegre. Ali vivem, 376 famílias desde 1998, ano em que a área foi conquistada pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra – MST. 

É o maior assentamento de reforma agrária no estado, com 9.450 hectares. A principal produção do Assentamento é o arroz agroecológico, que ocupa cerca de 1600 há a cada ano. Além disso, as famílias também estão envolvidas com o cultivo de hortaliças e frutas, gado leiteiro e produções de agroindústria como pães e massas caseiras, laticínios, mel, geléias e embutidos.

No centro do Assentamento, está a Unidade de Conservação de Proteção Integral Refugio da Vida Silvestre Banhado dos Pachecos, abrigando importantes nascentes do rio Gravataí e áreas de fundamental importância para o abrigo da fauna residente e migratória.

Atividades

No posts found.

Mais Atividades

Publicações

Cadernos do Iterra Nº 14 – II Seminário Nacional “O MST e a Pesq
Cadernos do Iterra Nº 13 – O Instituto de Educação Josué de Cast
Cadernos do Iterra Nº 11 – Intencionalidades na formação de educ
Cadernos do Iterra Nº 10 – Instituto de Educação Josué de Castro
Cadernos do Iterra Nº 09 – Instituto de Educação Josué de Castro